Muitos naturalistas insistem em explicações para todas as partes do Universo, mas negam a necessidade e a possibilidade de explicação do próprio Universo


 

Extrato do capítulo escrito por Ronald Nash no livro “In Defense of Miracles: A Comprehensive Case for God’s Action in History”:

[Os naturalistas insistem que] qualquer coisa que aconteça na ordem natural deve, pelo menos em princípio, ser explicada em termos de outros elementos na ordem natural.

Não é nunca necessário procurar a explicação para qualquer evento na natureza em algo além da ordem natural.

Em geral, o naturalista afirma que somente as partes e não o todo requerem explicação em termos de algo mais…

Ademais, não somente não é necessário procurar explicação em termos de algo além da ordem natural; não é mesmo possível encontrar explicações últimas para objetos e eventos na ordem natural.

É interessante que, primeiro, há uma insistência em explicações para todas as entidades e eventos individuais no sistema, mas, segundo, há a negação da necessidade e da possibilidade de explicação do sistema todo em termos de algo mais.

 

Não será permitido neste blog, insultos, palavras frívolas, palavrões, ataques pessoais, caso essas regras não sejam seguidas não perca seu precioso tempo postando comentário. Qualquer comentário que violar a política do blog será apagado sem aviso prévio. Na persistência da violação o comentador será banido.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s