Equivocation and Evolution Revisited – [Equívoco e Evolução Revisitados]


O artigo abaixo foi extraído do blog Intelligent Reasoning neste link http://intelligentreasoning.blogspot.com.br/2010_05_01_archive.html

Passando pelo meu crívo pessoal [afinal não é de meu feitio chamar os outros de evotard] esclarecer a noção do significado de EVOLUIR em biologia, o que obviamente NÃO torna a Teoria da Evolução verdadeira. E neste artigo se explica o porque desta posição cética quanto a TE, mesmo existindo dados e mais dados corroborando a realidade da evolução nos seres vivos .

Vamos ao artigo:

Seeing that evotards are so dishonest and obtuse they keep perroting the same ole refuted nonsense it is time to revisit this post:

Main Entry: equiv·o·cate
Pronunciation: i-‘kwi-v&-“kAt
Function: intransitive verb
Inflected Form(s): -cat·ed; -cat·ing
1 : to use equivocal language especially with intent to deceive
2 : to avoid committing oneself in what one says

Evolution has several meanings*:

1. Change over time; history of nature; any sequence of events in nature

2. Changes in the frequencies of alleles in the gene pool of a population

3. Limited common descent: the idea that particular groups of organisms have descended from a common ancestor.

4. The mechanisms responsible for the change required to produce limited descent with modification, chiefly natural selection acting on random variations or mutations.

5. Universal common descent: the idea that all organisms have descended from a single common ancestor.

6. “Blind watchmaker” thesis: the idea that all organisms have descended from common ancestors solely through an unguided, unintelligent, purposeless, material processes such as natural selection acting on random variations or mutations; that the mechanisms of natural selection, random variation and mutation, and perhaps other similarly naturalistic mechanisms, are completely sufficient to account for the appearance of design in living organisms.

With the above in mind it is easy to see that the theory of evolution is really a theory of equivocation. That is any and all evidences for evolution 1-5 are always used as evidence for evolution #6.

For example- the varying beak of the finch, anti-biotic resistance in bacteria, and genetic similarities (including alleged shared mistakes but regardless of the physiological & anatomical differences), are all used as evidence for evolution #6.

It should also be noted that evolution #6, ie culled genetic accidents, does not produce any predictions beyond perhaps change and/ or stasis, nor is it objectively testable.

* page 136-37 of Darwinism, Design and Public Education

cont-

In October 2007 I posted a piece I called Equivocation and Evolution, to highlight the blatant misrepresentation that evolutionists use in order to deceive anyone reading their comments.

This equivocation has now filtered into mechanisms- so called evolutionary mechanisms.

1. As I have pointed out many times, evolution is not being debated.

2. Evolutionary mechanisms could very well be telic- ie designed, as in designed to evolve, with genetic accidents being a small part of the scenario. See Dr Spetner’s Not By Chance

And finally, as has been pointed out at least several thousand times, not one of the evolutionary mechanisms, nor any combination, has been demonstrated to do anything except provide slight, oscillating variations in an existing population.

Note: Page 67 of “The Edge of Evolution” Dr Behe has Table 4.1- Varieties of DNA Mutations– substitution, deletion, insertion, inversion, gene duplication, genome duplication. IOW those evolutionary mechanisms are not ignored.

Let the evotard flailing begin…

Vendo que evotards são tão desonesto e obtusos mantendo o mesmo absurdo refutado, é hora de revisitar este post:

Tradução no sentido inglês.
Entrada principal: equiv · o · cate
Pronúncia: i-‘kwi-v & – “kat
Função: verbo intransitivo
Forma flexionada (s):-gato · ed;-gato · ing
1: para usar a linguagem equívoca especialmente com a intenção de enganar
2: para evitar comprometer-se em que se diz

[Significado de Equívoco]

[adj. Que tem duplo sentido: palavra equívoca.
Suspeito, duvidoso: reputação equívoca.
S.m. Engano por má interpretação; erro.
Trocadilho, jogo de palavras.]

Evolução tem vários significados *:

1. Mudar ao longo do tempo, a história da natureza, qualquer seqüência de eventos na natureza.

2. Mudanças nas frequências de alelos no conjunto de genes de uma população.

3. Descendência comum limitada: a idéia de que grupos específicos de organismos descendem de um ancestral comum.

4. Os mecanismos responsáveis ​​pela mudança necessária para produzir descendência com modificação limitada, principalmente a selecção natural agindo sobre as variações aleatórias ou mutações.

5. Descendência comum universal: a idéia de que todos os organismos descendem de um único ancestral comum.

6. “Relojoeiro Cego” tese: a idéia de que todos os organismos descendem de ancestrais comuns unicamente através de desgovernados, sem inteligência, sem propósito, processos materiais, tais como seleção natural agindo sobre variações aleatórias ou mutações; que os mecanismos da seleção natural, a variação aleatória e mutação, e, talvez, outros mecanismos igualmente naturalistas, são completamente suficientes para explicar o aparecimento do design em organismos vivos.

Com isso em mente, é fácil ver que a teoria da evolução é realmente uma teoria do equívoco. Isto é; qualquer, e todas as evidências para a evolução 1-5 são sempre usadas como evidência da evolução # 6.

Por exemplo, a variação bico do tentilhão, a resistência a anti-bióticos em bactérias, e as semelhanças genéticas (incluindo supostos erros comuns, mas, independentemente das diferenças fisiológicas e anatômicas), são usados ​​como evidência da evolução # 6.

Deve também notar-se que a evolução # 6, ou seja, acidentes genéticos abatidos, não produz qualquer previsão para além talvez, mudança e / ou êstase, nem é objectivamente testáveis.

* Páginas 136-37 de Design darwinismo, e Educação Pública

cont-

Em outubro de 2007 eu postei uma peça que eu chamei de Equívoco e Evolução, para destacar a deturpação flagrante que os evolucionistas usam para enganar quem lê os seus comentários.

Este equívoco já filtrado em mecanismos-chamados mecanismos evolutivos.

1. Como já apontado muitas vezes, a evolução não está sendo debatida.

2. Mecanismos evolutivos poderiam muito bem ser télicos, ou seja, projetados, como destinados a evoluir, com acidentes genéticos sendo uma pequena parte do cenário. Ver o Dr. Spetner Não é por acaso

E, finalmente, como tem sido apontado pelo menos várias milhares de vezes,que nenhum dos mecanismos evolutivos, nem qualquer combinação, foi demonstrada a fazer qualquer coisa, exceto fornecer pequenas variações, oscilando em uma população existente.

Nota: Página 67 de “The Edge of Evolution” Dr. Behe ​​tem Tabela 4.1-Variedades de DNA mutações de substituição, deleção, inserção, inversão, duplicação de genes, o genoma duplicação. IOW os mecanismos evolutivos não são ignorados.

Deixe a “magualdade” evotard  começar …

Um comentário sobre “Equivocation and Evolution Revisited – [Equívoco e Evolução Revisitados]

  1. While the earliest-known seeds date back 365 million years ago, they must have begun to evolve much earlier. Up till now, precursors of seeds were not known from the fossil record. However, a new fossil discovery, of a seed precursor with a structure seemingly involved in pollination, dates this development to at least 385 million years ago.

    Curtir

Não será permitido neste blog, insultos, palavras frívolas, palavrões, ataques pessoais, caso essas regras não sejam seguidas não perca seu precioso tempo postando comentário. Qualquer comentário que violar a política do blog será apagado sem aviso prévio. Na persistência da violação o comentador será banido.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s